Procurar
Close this search box.

Fertiberia, Lantmännen e Nordion Energi investem no desenvolvimento da primeira fábrica de fertilizantes alimentada com energia 100% renovável na Suécia

Imagen para la noticia "Fertiberia, Lantmännen y Nordion Energi invierten para desarrollar la primera fábrica de fertilizantes alimentada con energía 100% renovable en Suecia" mostrando la firma del acuerdo

Na maior iniciativa deste género nos Países Nórdicos, a Fertiberia, a Lantmännen e a Nordion Energi anunciam um acordo de desenvolvimento conjunto para impulsionar a Power2Earth: a primeira fábrica de fertilizantes sem utilização de combustíveis fósseis da Suécia

  • Graças ao seu processo de produção baseado no hidrogénio e nas energias renováveis, Power2Earth tem potencial para reduzir significativamente as emissões da produção de alimentos e contribuir para a segurança alimentar e a autossuficiência da Suécia, um dos únicos países da UE que não produz fertilizantes.
  • Prevê-se que a produção arranque em finais de 2028, com um investimento total estimado em cerca de 2.000 milhões de euros.

Madrid, 19/02/2024 – A Fertiberia, a Lantmännen e a Nordion Energi anunciaram um acordo de desenvolvimento conjunto para impulsionar a Power2Earth: a primeira fábrica de fertilizantes sem utilização de combustíveis fósseis da Suécia. Com base na tecnologia de eletróliseutilizará unicamente água e ar como matérias-primas e será alimentada por energia renovável proveniente de fontes eólicas e hidroelétricas.

Esta parceria representa um passo significativo na transição energética da Suécia e no aumento da sua autossuficiência, já que atualmente, este é um dos poucos países da UE que não produz fertilizantes. A colaboração entre as três empresas baseia-se na sua visão partilhada em matéria de produção agrícola e alimentar sustentável e resiliente, e combina os pontos fortes, os conhecimentos e a experiência de cada parceiro.

Mediante a utilização de uma tecnologia de eletrólise baseada em energias renováveis, a Power2Earth pretende reduzir ao mínimo as emissões no processo de produção. O projeto teve início em 2021 e, desde essa altura, foram realizados vários estudos de viabilidade e foram assegurados os terrenos para a implementação da fábrica de amoníaco e fertilizantes em Luleå. Atualmente, estão em curso os preparativos para o pedido de licença ambiental, cuja apresentação está prevista para o segundo trimestre de 2024.

Javier Goñi, CEO da Fertiberia, assegura que: «A Fertiberia contribui com a sua experiência industrial de mais de cinco décadas na produção, operação e logística do amoníaco, bem como a sua liderança na promoção do hidrogénio verde, para descarbonizar o setor agrícola com fertilizantes de elevado valor acrescentado». Comenta também que «estamos orgulhosos em contribuir para a concretização dos ambiciosos objetivos da Suécia em matéria de redução de emissões, autossuficiência alimentar e menor dependência de terceiros nas suas importações, ao mesmo tempo que proporcionamos diversificação industrial e crescimento económico na região».

Power2Earth contribuirá para reduzir cerca de 1,6 milhões de toneladas de dióxido de carbono, o que corresponde aproximadamente a 25% das emissões da agricultura sueca. A inovadora tecnologia, baseada em hidrogénio verde, posiciona este projeto como um ator fundamental na transição energética do setor agroalimentar sueco.

Com uma capacidade de produção anual de um milhão de toneladas de fertilizantes com baixo teor de carbono, Power2Earth também tem imenso potencial para aumentar a resiliência da produção alimentar sueca, em consonância com a estratégia alimentar nacional da Suécia e as suas ambições, pois reduzirá a dependência das importações, melhorará as condições para a produção nacional de alimentos e aumentará a autossuficiência sueca.

Per Arfvidsson, diretor executivo adjunto e diretor técnico da Lantmännen, sublinha que «Power2Earth é um projeto revolucionário para a indústria alimentar sueca, uma vez que os fertilizantes produzidos a partir de fontes de energias renováveis são essenciais para criar uma cadeia alimentar sustentável e preparada para o futuro. Além disso, contar com uma produção nacional de fertilizantes reduz a dependência das Suécia em relação às importações e é essencial para garantir a autossuficiência. Congratulamo-nos por dar agora o passo seguinte e estabelecer a Power2Earth juntamente com a Fertiberia e a Nordion Energi».

Power2Earth também será essencial para a diversificação industrial e o crescimento de Norrbotten, que graças ao projeto, se irá posicionar como um hub de hidrogénio.

Por seu lado, Hans Kreisel, CEO da Nordion Energi, afirma: «Power2Earth constitui o primeiro passo da Rota Nórdica do Hidrogénio, um hidroduto com uma extensão de 1.000 km, que liga a Suécia e a Finlândia. O hidrogénio é fundamental para a diversificação a longo prazo do setor industrial de Norrbotten e, através do projeto Power2Earth, demostramos que a nova infraestrutura de hidrogénio é rentável, contribui para a segurança energética e reduz as emissões de dióxido de carbono. Estamos orgulhosos por contribuir para a transição energética, o desenvolvimento económico e a autossuficiência sueca, juntamente com a Fertiberia e a Lantmännen».

Mais informações sobre a iniciativa:

(1) O Projeto  Power2Earth era anteriormente conhecido como «Green Wolverine».

Continuar lendo

Imagen para el interior de la noticia "Las estrategias para descarbonizar el sector agrícola, a debate en la 15º Jornada de la Cátedra Fertiberia de Estudios Agroambientales" mostrando a algunos de los presentes en la Jornada sobre Estrategias de Descarbonización
Imagen para el interior de la noticia
Imagen para el interior de la noticia

Fertiberia, uma referência na produção de hidrogénio verde e amoníaco de baixo carbono, bem como soluções de nutrição vegetal de elevado valor acrescentado e ambientais para a indústria.

O que fazemos

Criamos e fabricamos os produtos mais eficientes e sustentáveis para a agricultura e a indústria.

Ferramentas

Serviços para facilitar as tarefas diárias dos nossos clientes.

ESG

Os nossos pilares para garantir investimentos sustentáveis, inovadores e empenhados.

I+D+i

Investigação, desenvolvimento e inovação para um crescimento sustentável e responsável.

Contacte-nos

Scroll to Top