Projeto APOLO

Estado:

em curso

Participamos neste projeto europeu de descarbonização do setor do transporte marítimo utilizando amoníaco como combustível.

O que é o Projeto APOLO?

Este projeto, cujo nome é um acrónimo do inglês POwer conversión tecnhoLogies based on Onboard ammonia cracking through novel membrane reactors (Tecnologias avançadas de conversão de energia com base no craqueamento de amoníaco a bordo através de reatores de membrana inovadores), implica uma abordagem holística para lidar com os desafios da conversão de energia a partir de amoníaco.

  • Desenvolver-se-á uma tecnologia de craqueamento de amoníaco flexível e eficiente juntamente com pilhas de combustível ou motores para descarbonizar completamente o setor marítimo.
Imagen para el Proyecto APOLO, dentro de proyectos industriales, mostrando un diagrama de procesos y partes implicadas en el proceso

Qual é o nosso papel?

Na Fertiberia, participamos neste importante projeto com dois protótipos a serem instalados na nossa fábrica de Amoníaco de Puertollano. Neles, demonstrar-se-á a utilização de amoníaco como combustível descarbonizado para o transporte marítimo, sendo os protótipos um craqueador de Amoníaco a Hidrogénio verde e a sua posterior utilização em pilhas de combustível.

Objetivos

Demonstrar a escalabilidade para além de 3 MW. Para isto, o projeto centrar-se-á em:

  1. Um sistema de conversão de energia de 125 kW, que utiliza um craqueador de amoníacoacoplado a um sistema de pilhas de combustível PEM, para alcançar uma eficiência geral do sistema de 51 % a 54 %. O craqueador de amoníaco será personalizado para funcionar com diferentes condições de pressão e níveis de eficiência, de modo a avaliar a flexibilidade do sistema de craqueamento para todos os tipos de células/pilhas de combustível PEM.
  2. Um craqueador parcial de amoníaco de 125 kW acoplado a um motor de 4 tempos, que apresenta uma eficiência geral do sistema superior a 45 %. Também será desenvolvido um sistema de redução catalítica seletiva(SCR – Selective Catalytic Reduction) para eliminar as emissões de NOx do escape do novo motor.

Com o projeto APOLO, temos como objetivo minimizar a pegada ecológica do transporte e a energia, centrando-nos no setor marítimo.

  • Para alcançá-lo, estamos a desenvolver ativamente tecnologias inovadoras de conversão de energia (como o craqueador, a célula de combustível e o motor) e utilizando a avaliação do ciclo de vida (LCA) em várias etapas do desenvolvimento do produto.
  • As tecnologias desenvolvidas no projeto APOLO poderão ser aplicadas inicialmente a 30.000 barcos: inicialmente, a atenção centrar-se-á nos navios com propulsão de 1 a 10 MW e um número significativo deles rondará os 3 MW na próxima década, já que são os primeiros navios relevantes para as soluções propulsadas por amoníaco.

Parceiros do projeto

Fazemos parte de um consórcio composto por um total de 12 empresas europeias de 7 países, incluindo empresas tecnológicas como TecnaliaLEC GmbHChalmers e Eindhoven University of Technology; indústrias especializadas em catalisadores, membranas e desenvolvimentos de alta tecnologia como Johnson MattheyHydrogen Onsite SLCorvus Energy e outras do setor dos transportes como Hyster-Yale.

Dados relevantes

  • Coordenador: Tecnalia.
  • Data de registo: 15/01/2024
  • Projeto financiado pela União Europeia

Duração

Data de início: 2024. Data de finalização: a determinar

Orçamento

+7,5 milhões de euros, através da CINEA (European Climate, Infraestructure and Environment Executive Agency, em inglês)

Continuar lendo

Imagen de cabecera para el Proyecto "Botella Separadora de Amoniaco" para la planta de Puertollano, dentro de proyectos industriales, mostrando el detalle de planta industrial
Plano de competitividade 2017-2018 da fábrica de Avilés da Fertiberia
Projeto relativo à realização de melhorias...
Imagen de cabecera para el Proyecto "Botella Separadora de Amoniaco" para la planta de Puertollano, dentro de proyectos industriales, mostrando el detalle de planta industrial
Projeto «Reservatório Separador de Amoníaco»
Financiado pelo programa Reindus, consiste...
Imagen para ilustrar el nuevo proceso de producción de nitrato amónico en la planta de Avilés, dentro de la sección de proyectos industriales.

Fertiberia, uma referência na produção de hidrogénio verde e amoníaco de baixo carbono, bem como soluções de nutrição vegetal de elevado valor acrescentado e ambientais para a indústria.

O que fazemos

Criamos e fabricamos os produtos mais eficientes e sustentáveis para a agricultura e a indústria.

Ferramentas

Serviços para facilitar as tarefas diárias dos nossos clientes.

ESG

Os nossos pilares para garantir investimentos sustentáveis, inovadores e empenhados.

I+D+i

Investigação, desenvolvimento e inovação para um crescimento sustentável e responsável.

Contacte-nos

Scroll to Top